Viagem à favela

O Rio de Janeiro continua lindo!! A nossa cidade maravilhosa dotada de uma magnífica vista, que inclui Cristo Redentor, Pão de Açúcar, Lagoa Rodrigo de Freitas e um montão de lindas praias tem apenas um problema…as favelas!

Mas… será que elas ainda são tão problema assim?? Claro que eu sei que a violência é uma preocupação constante e que muita gente ainda tem medo de chegar perto de algumas delas, mas como bons brasileiros que somos, sempre arrumamos um jeitinho para tudo. E transformar problema em fonte de renda é um bom jeitinho, não acha?favela-tavares-barros-thumb

   A nova opção de turismo do Rio de Janeiro inclui essas sociedades “marginalizadas” e já tem um monte de turista estrangeiro pagando caro por essa aventura que inclui dormir em beliche, em quartos apertadinhos, banheiros modestos, roupas de cama comuns, muitas ladeiras para subir e nada de luxos ou exageros, a não ser a vista, que do alto do morro, fica ainda mais bonita. O tour na Rocinha já é famoso há bastante tempo, mas agora, a moda é pousada no morro. A revista Marie Claire (Ed 217, Ed Globo) deste mês traz uma reportagem muito legal sobre esse novo ponto turístico.

A viagem custa em média 9500 reais. Não é pra qualquer um. É pra quem pode pagar. Há os moradores que gostam e os que desgostam mas de uma coisa a gente pode ter certeza: o gringo que faz essa viagem vive por algum tempo totalmente fora da sua realidade estrangeira. Deve ser um bom intercâmbio de culturas, não??

238400665_e638c2892e

 

Post by Laraue Motta

There are no comments on this post.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: